Anúncios

Para quem ama flores, já deve ter ouvido falar da linda Flor Dália. É de fato uma planta com muitos poderes decorativos, e nesse artigo você vai entender tudo sobre ela.

O nome científico desta flor é Dahlia pinnata Cav., e Dahlia nada mais é do que um gênero botânico que inclui a família Asteraceae, que inclui uma série de flores que chamamos de “combinação”.

Características Gerais da Flor Dália

flor dália
Flor Dália Laranja

O tamanho desta planta é médio, e também podemos dizer que é uma planta perene. Quando cultivada, pode atingir 1,50 m de comprimento, e é originária do México. Aliás, os nativos que ali viviam foram os primeiros a plantar dálias, que ainda existem na era asteca. Portanto, eles desenvolveram métodos de cultivo que são usados ​​​​até hoje.

Anúncios

No entanto, foi apenas no século XVIII que a Dália atravessou o mar, chegando à Europa, pelo diretor do Jardim Botânico de Madrid. Deve-se notar que esta planta se dá muito bem no clima ameno europeu.

Neste caso, a expansão da flor na Europa nórdica aconteceu através do botânico sueco Anders Dahl, e foi por causa de seu nome que Dahlia passou a ser batizada como tal. Tanto os franceses como os holandeses foram os que incentivaram o cultivo desta flor.

São eles que cultivavam os tipos mistos de dália, e foram os europeus que espalharam essa flor aqui no Brasil.

Para se ter uma ideia, atualmente, entre tipos híbridos e naturais, temos mais de 3 mil tipos dessa planta, que podem ser encontradas em diferentes cores, formas, tamanhos e compatibilidade com os mais diversos tipos de ambiente.

Geralmente, a palavra “bulbo” é usada para se referir à parte inferior da planta, que é usada como meio de produção de dálias.

No entanto, é mais correto dizer que as dálias se reproduzem por tubérculos, esses caules se transformam em uma raiz, arredondada e hipertrofiada.

Também é importante notar que essa parte das dálias funciona como um local para armazenar amido, que acaba sendo um local para “alimentar” a planta.

Ao mesmo tempo, esses mesmos tubérculos possuem saliências chamadas de olhos ou até mesmo escondidas (as famosas escondidas).

Mas quando se trata de comportamento geral e plantio em si, o tubérculo tem muito em comum com o bulbo da dália. Além disso, outras plantas que se reproduzem com tubérculos são a batata, o inhame, só para citar os exemplos mais óbvios e conhecidos.

Como Cultivar a Flor Dália no Jardim?

flor dália mista
Flor Dália Mista

Em primeiro lugar, é importante ressaltar que as dálias desenvolvidas a partir de sementes são as mais vendidas em cores mistas. No entanto, quando o plantio é feito com tubérculos, é possível fazer uma pré-seleção da cor que se deseja obter.

Ao comprar uma planta da Dália, recomenda-se comprar aquelas com tubérculos grandes, pois as flores são numerosas e de tamanho grande. Ou seja, neste caso, você decide o tamanho das flores, escolhe igualmente o tamanho desses tubérculos.

A área de plantio precisa de muita luz e luz solar direta (mesmo por algumas horas durante o dia). Outra dica importante antes do plantio é que o local onde a flor ficará seja protegido de ventos fortes, pois seus galhos podem quebrar com facilidade, devido ao peso das flores.

Também é importante destacar que os climas quentes e úmidos são os seus preferidos, temperaturas entre 13º C e 25º C. Quanto à propagação, deve ser feita com sementes, ou com suas raízes tuberosas e, por fim, com varas.

O verdadeiro plantio desta flor pode ser feito em qualquer solo, pois, neste caso, não precisa de muito. Nesse sentido, o único cuidado a ser tomado é que o solo não pode ser muito ácido ou muito alcalino.

Apesar de se adaptar bem a qualquer solo, o ideal é aquele que seja argiloso, bem drenado e rico em matéria orgânica.

Se o plantio for feito com sementes, estas podem ser colocadas diretamente na planta, a uma profundidade de cerca de 0,5 cm. No entanto, se forem plantadas em canteiros, assim que atingirem 8 cm de comprimento, é necessário mudar a flor de local.

A germinação leva em média de 1 à 3 semanas.

Flor Dália Azul
Flor Dália Azul

Como Cultivar a Flor Dália em Vaso?

Se o plantio for feito com raízes tuberosas, estas precisam ser enterradas a uma profundidade de cerca de 15 cm. O importante é que a parte onde a haste aparecerá seja colocada em cima.

Logo depois, é só regar, e esse processo pode ser feito novamente se o plantio for em vaso. Neste caso, no entanto, é necessário usar um substrato adicional.

É melhor plantar espécies pequenas e prestar atenção à incidência de luz solar, pelo menos 4 horas por dia, e regas frequentes.

Em termos de separação, se as variedades plantadas são pequenas, e crescem anualmente, cultivadas em canteiros, é melhor utilizar um espaço entre 30 e 50 cm, mais ou menos. Para grandes variedades de dália, o ideal é entre 50 e 90 cm.

Por fim, o fertilizante precisa ser rico em fósforo e potássio. Os fertilizantes químicos precisam ter uma proporção de 4-14-8 NPK. Tal fórmula favorece o florescimento rápido da planta e fortalece seus caules, fator importante para que as flores fiquem mais seguras. Além disso, você pode facilmente usar fertilizantes orgânicos.

Só para ressaltar que as sementes desta flor podem ser compradas em sachês vendidos em lojas especializadas. As raízes tuberosas são mais difíceis de encontrar, mas você ainda pode encontrá-las.

Cuidados Necessários com a Flor Dália

Dalia
Cuidados Necessários com a Flor Dália

Para que sua flor dália se desenvolva da melhor forma saudável, você precisa tomar alguns cuidados básicos.

Para começar com o melhor lugar para deixá-la, é recomendável estar ao ar livre e tomar sol por cerca de 4 horas por dia.

Em relação à rega, 2 a 3 vezes por semana é suficiente. Então, faça esse processo de manhã ou à tarde.

Esta planta não precisa ser podada, basta retirar as folhas secas quando necessário.

Além disso, você conhece as cores e os tipos de flores? Elas criam um gradiente de cores brilhantes e alegres que interessam a qualquer pessoa.

Outros tipos de dália são: pom pom, cacto, solteiro, anêmona, colarinho e nenúfar(waterlily). Ou seja, há uma variedade que você pode escolher de acordo com sua preferência ou ocasião.

As incríveis cores que a dália tem: branco, roxo, amarelo, laranja, rosa e vermelho.

Essas são as cores principais, lembrando que alguns tipos dessa flor possuem pelagem degradê com combinação de cores.

Agora que você sabe como cultivar, cuidar, as cores e tipos desta linda planta, você pode escolher quais mais se adequam ao seu gosto e plantá-las em seu jardim.

Flor Dália Branca
Flor Dália Branca

Veja também:

Chifre de Veado: Como Cuidar dessa Planta Exuberante

Como Cuidar da Begônia Maculata e Ter Essa Bela Planta

Como Plantar a Flor Onze Horas

Planta Jiboia Prateada: Aprenda a Cultivar e Fazer Mudas

Curtiu este artigo sobre a flor dália? Então conte para nós no comentário abaixo. Compartilhe com seus amigos e familiares! Para mais conteúdo como este, fique mais perto da gente e siga nossas redes socias: FACEBOOKINSTAGRAMPINTEREST.

Clique e adicione Pitada de Saúde ao seu feed do Google Notícias:

Categorizado em: